Clicar no pontinho verde e falar com você 

Eu vejo um pontinho verde ao lado da sua foto que indica que você está online. A sua foto é linda, aliás. Sua persona pública é sempre tão séria e vive debaixo demula nuvem negra e ranzinza – pelo menos é isso que me vem à mente quando leio suas opiniões por aí.

Nessa foto você sorri sob luz natural e parece feliz e em paz. Eu já te vi em paz e é tão bonito que me faz sorrir. Só que eu nunca te vi sob a luz do dia, tirando as poucas vezes que acordamos juntos e nos separamos por causa de “compromissos” logo depois. Mesmo assim eu lembro com afeição das noites esparsas que passamos juntos. Foram muitas risadas, muitas trocas, muitos estímulos e muitos orgasmos.

Naquelas manhãs seguintes não faltou gentileza, sorrisos e nem atenção – dessas de olhar dentro dos olhos. Eu sempre soube do nosso acordo tácito e por isso você não partiu meu coração.

Essa sua foto com o pontinho verde, eu queria poder clicar para te perguntar sobre um dilema pessoal pelo qual estou passando – mas sei que é melhor não. Eu também faço de tudo pra não partir o meu coração.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s